terça-feira, julho 16, 2024
NotíciasSaúde

Palestras chamam a atenção para a Luta Antimanicomial em Gurinhatã

Última atualização em 18 de maio de 2018

GURINHATÃ – A Prefeitura de Gurinhatã, por intermédio do Departamento de Saúde realizou nesta quinta-feira, 17, palestras sobre a Luta Antimanicomial, em Flor de Minas no PSF Divino Gonçalves Pereira, e em Gurinhatã no PSF Dona Francisca Toscano Cardoso.

As palestras foram proferidas pela psicóloga, Suely Borges, que fez uma abordagem quanto a essa luta e a socialização das pessoas que necessitam de tratamento, de forma mais humana e familiar.

Segundo a psicóloga, nesta semana do mês de maio e especificamente no dia 18, se comemora o início da Luta Antimanicomial, com o objetivo de promover um tratamento digno da pessoa com transtorno mental. “A palestra de hoje foi para em primeiro lugar, explicar quais os motivos levaram a esta luta, em que internações em manicômios e sanatórios não é a solução, e como poderemos acolher o portador de transtorno mental e fazer a prevenção para que este não entre em crise ou surto”, disse. “Em segundo lugar se fez um estudo sobre os transtornos mentais, suas características e como reconhece-los. O que foi de muita importância principalmente para os agentes de saúde que fazem o acompanhamento mensal nos domicílios. Sabendo reconhecer para criar a possibilidade de um melhor encaminhamento para tratamento. Porque com frequência estes pacientes chegam até nós quando estão em crise ou surtam”, completou Suely.

O evento teve a presença de membros das equipes dos PSFs, da Assistência Social, e da diretora do Departamento de Saúde, Fabiana Nunes.